Reunião

Aterro Sanitário é pauta em encontro entre MP e deputadas estaduais

Encontro tratou de problemas envolvendo o empreendimento que pode se instalar no Cerrito Alegre

10 de Julho de 2017 - 14h09 Corrigir A + A -

As deputadas estaduais Regina Becker Fortunati (Rede), Stela Farias e Miriam Marroni (PT) estiveram, no final da manhã desta segunda-feira (10), reunidas com o promotor André Barbosa de Borba, da Promotoria Especializada do Ministério Público. O encontro tratou das questões que envolvem a autorização para a instalação de um aterro sanitário na comunidade do Cerrito Alegre, 3º Distrito de Pelotas. Participaram ainda o vereador Éder Blank (PDT), vizinhos da propriedade e a advogada da comunidade. 

Do promotor, eles ouviram que foi solicitado um parecer do Grupo de Apoio Técnico Especializado (Gate), do Ministério Público Estadual (MPE). De acordo com Borba, serão analisados questões como a probabilidade de enchentes na região, análise sobre o lençol freático, possível afetação no reservatório Sinnott, do Sanep. "Pedimos urgência no parecer, que foi emitido na segunda-feira, dia quatro", disse o promotor. No momento, o MP aguarda a vistoria e o parecer técnico do Gate para definir os próximos passos. "Pra tomar qualquer medida, é necessária uma base técnica pra qualquer ação", explicou Borba. 

As deputadas mostraram preocupação ambiental com a localização do aterro. "Toda vez que o município procurou não foi autorizada, sendo que foi analisada 22 áreas", lembrou Miriam Marroni. A deputada Regina Becker entregou ao promotor o relatório da audiência pública promovida pela Comissão de Assuntos Municipais da Assembleia Legislativa do Estado. "Não se pode desconsiderar as malhas hídricas - o empreendimento está a 800 metros do Arroio Pelotas", alertou. 

Às 14h, as deputadas devem se reunir com a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB) para tratar do assunto.

Aguarde mais informações.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados