Poder

Maioria rejeita denúncia contra Temer na CCJ da Câmara

Por 40 votos a 24, deputados derrubam denúncia na Comissão; tema ainda vai ao plenário

13 de Julho de 2017 - 17h52 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Os deputados na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados na tarde desta quinta-feira, logo após votação que rejeitou denúncia da Procuradoria Geral da República contra Michel Temer

Os deputados na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados na tarde desta quinta-feira, logo após votação que rejeitou denúncia da Procuradoria Geral da República contra Michel Temer

Atualizada às 18h24

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara rejeitou, por 40 votos contra 24, a denúncia contra Michel Temer (PMDB-SP), acusado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de corrupção passiva, com base nas delações de Joesley Batista e de executivos da JBS.

A decisão da CCJ contraria o parecer do deputado Sergio Zveiter (PMDB-RJ), relator na comissão, favorável à abertura de um processo contra seu colega de partido. O tema, no entanto, ainda será analisado pelo plenário da Câmara, onde são necessários 342 votos para aprovar a abertura de um processo penal no Supremo Tribunal Federal (STF). A vitória de Temer ocorre após uma ofensiva do governo, que nesta semana trocou 13 integrantes da comissão para derrubar o parecer favorável à admissibilidade da denúncia.

Com o resultado, a CCJ terá de aprovar um parecer pela rejeição da denúncia. É esse relatório que irá ao plenário da Câmara.

 Aguarde mais informações


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados