Fronteira

Receita apreende creme de maconha no Chuí

Carga avaliada em R$ 2 mil estava na bagagem de uma passageira que iria comercializá-la no interior de São Paulo

14 de Julho de 2017 - 22h49 0 comentário(s) Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Imagem enviada pela Receita Federal da carga de cremes com princípio ativo da maconha apreendida na tarde desta sexta-feira no Chuí (Foto: Divulgação - DP)

Imagem enviada pela Receita Federal da carga de cremes com princípio ativo da maconha apreendida na tarde desta sexta-feira no Chuí (Foto: Divulgação - DP)

Vistoria de rotina de servidores da Receita Federal no Chuí nesta sexta-feira 914) terminou com apreensão de carga de cremes de produção uruguai que indicavam a existência da substância THC, princípio ativo da maconha. A informação é da assessoria de imprensa da Receita. 

A ação aconteceu no prédio da Aduana. No país vizinho, o uso da droga, não apenas para fins recreativos, é descriminalizado, podendo ser adquirida em farmácias.

Os produtos vinham sendo transportados na mala de uma passageira que estava em um onibus que fazia a linha Chuí – Porto Alegre. Segundo ela, brasileira mas que reside na cidade uruguaia de Rocha, os cremes seriam comercializados em Bauru, interior de São Paulo. De acordo com a equipe de fiscalização, o valor da apreensão, 35 frascos e quatro bisnagas, é estimado em R$ 2 mil. 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados