Feminicídio

Mulher é morta por ex-companheiro em Pinheiro Machado

Além dela, um homem também foi assassinado e outra mulher ferida; Crime teria ocorrido por ciúmes após a ida a uma festa

12 de Setembro de 2017 - 08h32 Corrigir A + A -

Por: Giulliane Viêgas
giulliane.viegas@diariopopular.com.br

Uma mulher foi morta a tiros em Pinheiro Machado. De acordo com a Polícia Civil, o principal suspeito seria o ex-companheiro da vítima. Ele teria assassinado Luciana de Azambuja Fernandes, 34, porque a mulher teria ido a uma festa com amigos. Durante o ataque a Luciana, o suspeito acertou Leandromar Lopes, 42, que também foi morto. Uma terceira pessoa identificada como Jaqueline Oliveira, 47 - companheira de Leandromar -, foi ferida pelos tiros e encaminhada ao Pronto-Socorro de Pelotas (PSP). A Polícia Civil decretou a prisão preventiva do suspeito.

Crime contra a mulher também em Pelotas
A equipe do Setor de Investigação da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) prendeu em Pelotas G.O.X., 29, por lesão corporal, ameaça e desobediência. O homem foi preso preventivamente e encaminhado ao Presídio Regional de Pelotas (PRP).

 


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados