Série A

Igualdade na Serra

Grêmio fica no 1 a 1 com o Vitória e permanência do G4 fica cada vez mais próxima; na quarta-feira, equipe enfrenta o São Paulo

12 de Novembro de 2017 - 19h55 Corrigir A + A -
Na próxima rodada, a equipe enfrenta o São Paulo, em casa
(Foto: Rodrigo Rodrigues)

Na próxima rodada, a equipe enfrenta o São Paulo, em casa (Foto: Rodrigo Rodrigues)

Mesmo usando praticamente toda sua equipe titular, o Grêmio não conseguiu passar de um empate por 1 a 1 diante do Vitória neste domingo (12), no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (a Arena recebeu um show internacional no sábado), em confronto válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, a equipe permaneceu na 2ª colocação, com 58 pontos. Porém, a equipe de Renato Portaluppi pode ser ultrapassada pelo Santos, que joga nesta segunda-feira diante da Chapecoense, às 20h, fora de casa. A boa notícia é que os principais rivais na disputa pelo G4, Flamengo e Botafogo, perderam na rodada, para Atlético-PR e Palmeiras, respectivamente. Na próxima rodada, a equipe enfrenta o São Paulo, em casa. O duelo ocorre nesta quarta-feira, às 19h30min.

O primeiro tempo foi marcado por uma partida bem aberta, com boas chances para os dois lados. E quem saiu na frente do placar foi o time visitante. Aos 16 minutos, após uma boa troca de passes, David encontrou Patrick dentro da área. O lateral recebeu, dominou e deslocou o goleiro Paulo Victor, colocando os rubro-negros em vantagem.

Porém, logo em seguida, o Tricolor buscou o empate. Aos 18, Leonardo fez ótima jogada pela esquerda e cruzou com perfeição para a área. Fernandinho antecipou-se ao defensor, subiu e cabeceou bonito, acertando o canto do goleiro Fernando Miguel, que nada pôde fazer além de buscar a bola no fundo das redes.

No decorrer da etapa inicial, os baianos ainda perderam boas chances com Tréllez e Neílton. Já o Grêmio ameaçou com Ramiro e Luan, que quase marcou um golaço ao aplicar um lençol em Ramon e chutou sem deixar a bola cair. Como a bola foi fraca, Fernando Miguel fez defesa tranquila.

Expulsão e gols anulados
Nos 45 minutos finais, a partida caiu bastante em qualidade. O Grêmio, mesmo com um jogador a mais desde a expulsão de Filipe Souto aos 12 minutos, não conseguiu terminar em vantagem. A equipe até criou algumas chances com Barrios e Luan, mas não teve sucesso. Aos 18, o próprio Luan chegou a marcar, mas a arbitragem marcou impedimento de Léo Moura no lance.

Em desvantagem numérica, os baianos buscaram segurar o empate, importante para a briga contra o rebaixamento. Nos acréscimos, Geromel errou e deu contra-ataque. Patrick avançou, tocou para Caíque Sá, que devolveu para Patrick, que marcou com o gol livre. Entretanto, Caíque Sá estava à frente e o gol foi anulado, no último lance importante da partida.

Ficha técnica:

Grêmio: Paulo Victor, Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann, Leonardo (Everton), Jaílson (Jael), Arthur, Ramiro, Luan, Fernandinho (Patrick), Lucas Barrios; Técnico: Renato Gaúcho

Vitória: Fernando Miguel, Patrick, Kanu, Bruno Bispo, Geferson, Ramon, José Welison, Filipe Souto, Neilton (Caíque Sá), David (René), Tréllez (André Lima); Técnico: Vagner Mancini

Arbitragem: Marcelo Aparecido de Souza, auxiliado por Anderson de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo. Local: estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados