Futebol

Goleada previsível

Xavante não tomou conhecimento da fragilidade do adversário e venceu o confronto por 8 a 0

09 de Janeiro de 2018 - 21h13 Corrigir A + A -
Dentro de uma semana o Xavante estreia no Gauchão  (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Dentro de uma semana o Xavante estreia no Gauchão (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Torcida compareceu em ótimo número no Bento Freitas (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Torcida compareceu em ótimo número no Bento Freitas (Foto: Carlos Queiroz - DP)

Por: Henrique Risse
esportes@diariopopular.com.br

Marcação forte, troca de passes curtos e velocidade. Essas foram as principais características apresentadas pelo Brasil no jogo-treino desta terça-feira (9), contra o Sindicato dos Atletas Profissionais do Rio Grande do Sul, no estádio Bento Freitas. O Xavante não tomou conhecimento da fragilidade do adversário e venceu o confronto por 8 a 0.

O técnico Clemer armou a equipe no esquema 4-1-4-1, o mesmo utilizado em boa parte da campanha na Série B do ano passado. A formação inicial teve Pitol; Sciola, Leandro Camilo, Héverton e Bruno Collaço; Leandro Leite, Itaqui, Mossoró, Toty e Alisson Farias; Luiz Eduardo. Leandro Leite fez a proteção aos zagueiros, enquanto Itaqui e Mossoró eram os responsáveis por fazer a transição do meio campo para o ataque. Ambos apareceram na frente com qualidade e anotaram um gol cada.

Nos lados, destaque para Alisson Farias. O garoto emprestado pelo Internacional estava sempre próximo aos meias centrais para participar das jogadas. Toty não conseguiu se soltar tanto e se destacou mais ajudando Eder Sciola na marcação do que no ataque. Luiz Eduardo, que assinou contrato horas antes da partida, se movimentou bastante mas não recebeu nenhuma bola em condição de finalizar.

O sistema defensivo pouco trabalhou durante os primeiros 45 minutos. Sciola manteve o mesmo nível de atuação do segundo semestre de 2017, enquanto Bruno Collaço mostrou mais qualidade que seus antecessores no lado esquerdo. Leandro Camilo e Heverton pouco participaram, mas foi o suficiente para o segundo marcou o 3º gol da equipe no primeiro tempo.

Time novo
No segundo tempo veio um time totalmente diferente. Carlos Eduardo; Ednei, Gustavo Bastos, Rafael Dumas e Arthur; Vacaria, Souza, Calyson, Deyvid Sacconi e Dudu; Matheus Lima. O adversário cansou muito e a equipe reserva consolidou a goleada com gols de Matheus Lima, Ednei (duas vezes), Robério e um contra. Ainda particparam da partida Marcão, Luiz Henrique, Chrigor, Robério, Zé Augusto, Eduardo e Igor.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados