Crime ambiental

Estrada é construída em área de preservação

As infrações foram identificadas no município de Dom Feliciano

18 de Março de 2017 - 20h03 0 comentário(s) Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Árvores foram cortadas e movimentação de terra realizada para a construção da estrada (Foto: Divulgação - DP)

Árvores foram cortadas e movimentação de terra realizada para a construção da estrada (Foto: Divulgação - DP)

O 3º Pelotão Ambiental de Camaquã realizou o cumprimento de vistorias e denúncias no município de Dom Feliciano, onde foi constatado a construção de uma estrada de 4x100 metros dentro de uma mata nativa em Área de Preservação Permanente (APP).

Diversas árvores de grande porte foram cortadas e também houve movimentação de terra. Ambas as atividades realizadas sem licença/autorização do órgão ambiental competente. Além destas infrações, o proprietário também foi autuado por possuir em sua propriedade três exemplares de ema, ave nativa da fauna brasileira, sem autorização do órgão ambiental competente.

O Policiamento Ambiental salienta que é crime realizar qualquer intervenção em flora ou movimentação de terra/parcelamento do solo, bem como manter qualquer animal nativo em cativeiro sem a devida licença do órgão ambiental.


Comentários


  • Não há comentários, seja o primeiro a comentar!


Diário Popular - Todos os direitos reservados