Combustíveis

Preço do litro da gasolina chega a ser encontrado a R$ 3,75

Desconto anunciado em fevereiro finalmente chegou ao bolso dos consumidores pelotenses

19 de Março de 2017 - 21h16 Corrigir A + A -
Posto de gasolina localizado na avenida Rio Grande do Sul, no Laranjal, oferece o preço mais barato do combustível em Pelotas - R$ 3,75; desconto finalmente chega ao consumidor na cidade (Foto: Paulo Rossi - DP)

Posto de gasolina localizado na avenida Rio Grande do Sul, no Laranjal, oferece o preço mais barato do combustível em Pelotas - R$ 3,75; desconto finalmente chega ao consumidor na cidade (Foto: Paulo Rossi - DP)

Os consumidores finalmente aproveitam nas bombas a diminuição no preço da gasolina e do diesel, anunciados pelo governo federal no final do mês passado. Mesmo entre os postos de Pelotas que repassaram os descontos na última semana, a diferença de valores é grande e a pesquisa compensa.

Em um levantamento feito pelo Diário Popular entre as abastecedoras que estão no ranking das cinco mais baratas da cidade, de acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP), se pode constatar a variação de até R$ 0,30 na gasolina entre os postos, com preços que vão de R$ 3,75 a R$ 4,05. Para o diesel esse valor é ainda maior, R$ 0,39, podendo ser encontrados preços de R$ 2,80 até R$ 3,19.

A redução no preço dos combustíveis nas refinarias foi anunciada pela Petrobras no dia 24 de fevereiro. Com a diminuição de 4,8% no óleo diesel e 5,4% na gasolina para as refinarias, o esperado era que a queda nas bombas chegasse a 3% e 2,3% respectivamente, numa economia de R$ 0,09 por litro. Em comparação com os preços no final de fevereiro, o diesel se manteve nessa média, já que o antigo valor era R$ 2,88. No caso da gasolina o desconto superou a expectativa, numa diferença de R$ 0,18, pois antes o valor mais barato era R$ 3,93.

Enquanto alguns postos começam a aplicar os descontos, como o caso de uma abastecedora na rua General Neto, que na última quarta-feira vendia a gasolina a R$ 4,04 e na quinta-feira mudou para R$ 3,99, outros já repassaram os valores aos pelotenses no início do mês. É o caso de um posto na rua Marcílio Dias, informou o gerente Rui Rodrigues da Silva. “Baixamos no início do mês, agora não sei se vai variar de novo”, disse ele.

O mais em conta
No posto mais barato da cidade, localizado na avenida Rio Grande do Sul, Laranjal, a mudança foi há uma semana e o gerente Glaudemar Beodorn já comemora o aumento nas vendas. “Tem vindo gente de outros lugares abastecer aqui. O movimento subiu”, contou ele. Os clientes também estão satisfeitos com o repasse. “O preço aqui está muito bom”, afirmou Tiago Borges, 30, que busca sempre economizar e é a favor da redução dos preços nas refinarias ser repassada também a quem consome, pois todo mundo sai ganhando.

Com a nova política de avaliações e revisões dos preços dos combustíveis, que iniciou em outubro do ano passado, os valores mostram variação constante. Em janeiro o óleo diesel teve aumento de R$ 0,12 por litro, já o último reajuste da gasolina havia sido feito no início de dezembro, quando o preço por litro também subiu R$ 0,12 na ocasião.


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados