Acidente

"Rachas" terminam em morte no prolongamento da Bento

Na disputa pela maior velocidade, duas motocicletas e dois carros se envolveram em choque que vitimou rapaz de 15 anos

23 de Outubro de 2011 - 03h22 Corrigir A + A -

Por: Redação
web@diariopopular.com.br

Duas disputas simultâneas pela mais alta velocidade podem ter sido razão de mais um acidente de trânsito com morte, por volta da 1h deste domingo (23). Os "rachas" entre dois carros e duas motocicletas, nos dois sentidos do prolongamento da avenida Bento Gonçalves, em Pelotas, foram apontados por testemunhas como os motivos de uma colisão que tirou a vida de um jovem de 15 anos. A Brigada Militar informou que só divulgará a identidade da vítima após o registro da ocorrência.

Segundo populares e funcionários do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu), uma Saveiro e um Kadett faziam "pega" no sentido Rodoviária-Centro quando ocorreu um choque lateral. O Kadett de placa BMJ0278 teria freado, mas sem evitar o capotamento,  atravessou o canteiro da Bento e parou do outro lado da pista, atingindo as duas motocicletas - que também vinham em alta velocidade, no sentido contrário. A explosão foi instantânea, dizem testemunhas. Os bombeiros foram acionados para conter as chamas.  

O condutor de uma das motos morreu na hora; o outro, de acordo com a polícia, foi encaminhado para o Pronto-Socorro de Pelotas com 60% do corpo queimado. O motorista do Kadett teria ido também para o PS "em estado de choque", enquanto o da Saveiro acabou fugindo. A perícia chegou cerca de uma hora após o choque para avaliar com mais precisão as circunstâncias do acidente.   


Comentários


Diário Popular - Todos os direitos reservados